Primeiro ciclo de cinema polonês termina nessa sexta-feira

Ao longo da semana foram exibidos sete documentários poloneses seguido de debates com professores e convidados

Texto e foto Maria Carolina [1]

Vídeo Gabriela Marquetti [2]

Carla Tôzo [3]

 

Na sexta-feira (27) foi encerrado o primeiro ciclo de cinema polonês realizado pelo Centro Universitário FMU FIAMFAAM. O evento contou com a presença de Andres Bukowinski, Cônsul Honorário da Polônia em São Paulo e Bella Tozini, artista e pesquisadora do campo das artes visuais como mediadores da última mesa do circuito.

Escolhidos pela curadoria da Sociedade Brasileira de Cultura Polonesa, os documentários exibidos foram Arte da liberdade (Art of Freedom, Wojciech Słota, Marek Kłosowicz, 2011), sobre a luta dos alpinistas poloneses para atingirem seus sonhos em meio aos anos 70 e 80, em plena República Popular da Polônia e Brinquedos (Toys, Andrzej Wolski, 2011) que mostra, sob a ótica do período da infância, a transição para o processo de democracia sofrido pelo país.

Bella Tozini observou a importância das produções polonesas apresentadas para o universo cinematográfico, que expandiu seu mercado para países da Europa e Ocidente, como os Estados Unidos, e tem por característica predominante, contar histórias com temas relacionados a sociedade, memórias e grandes feitos.

“O formato de documentário para o cinema polonês é muito forte, e teve várias fases com muitos nomes importantes. Os documentaristas tentavam ‘abrir os olhos dos poloneses’ para as questões que ali estavam acontecendo. Sobre o mal andamento da sociedade como um todo”, diz.

Já Andres Bukowinski mostrou-se feliz pelo espaço disponibilizado para discussão das obras e pela repercussão do público, já que apesar de tradicionais na Polônia, muitos dos títulos ainda eram inéditos no Brasil. “Todos os filmes têm um denominador comum: a sobrevivência. E é muito interessante, pois ao pensar nos 30 anos que a Polônia conseguiu sua independência, é um contraste muito grande, e nos surpreende pela veracidade. O bom é que conseguimos passar a vocês um pouco da luta do povo polonês”.

Confira o vídeo do evento

 

[1 e 2] Aluna do quinto e oitavo semestre do curso de Jornalismo. Colaboradora e monitora com a Agência Integrada de Comunicação (AICom).

[3] Professora do curso de Jornalismo. Atua na Agência Integrada de Comunicação (AICom).

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s