Docente da USP ministra palestra no Campus Ana Rosa

em

O podcast como ferramenta de comunicação e abertura de novas frentes de atuação de profissionais do jornalismo e rádio e TV

eduardovicente

 

O professor e doutor em Comunicação Eduardo Vicente, da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), promoveu uma palestra para os estudantes do curso de Jornalismo do Centro Universitário FiamFaam, no campus Ana Rosa, com o tema “Rádio Possível e Jornalismo Independente: uso e potencialidades do podcasting”. Embora a prática do podcast tenha se estabelecido há mais de dez anos, as novas possibilidades de atuação que oferece para o jornalismo independente tem sido pouco exploradas no Brasil. O encontro serviu para mostrar como o podcast, sucesso em países como os Estados Unidos, onde há uma intensa programação de diversos e variados temas, ainda não chegou ao mesmo patamar de reconhecimento e produção no Brasil.

Por cerca de uma hora, o professor apresentou sua bagagem acadêmica e a pesquisa que o fez descobrir muitos detalhes, como a origem do termo “podcast” e os principais arquivos de áudio do mundo. Em seguida, Eduardo Vicente ressaltou que o podcast é talvez um grande processo de ajuda ao rádio, já que sua versatilidade permite reinventar a programação das emissoras tradicionais. “É uma forma de discutir o uso jornalístico do podcast, a partir de diferentes experiências brasileiras e internacionais, abordando tanto as práticas de produção e financiamento como os recursos de linguagem empregados”, disse o palestrante.

Por isso, o professor doutor também fez uma análise sobre os canais de produção colaborativa na internet como o “Crowdfunding” e o “Crowdsourcing”. Para o palestrante, ideias diferenciadas podem conseguir apoio financeiro e recursos para sua produção, incluindo os projetos de podcast jornalísticos. Entre os projetos que já se destacam está podcast “Rádio Ambulante”, do jornalista peruano Daniel Alacom, citado pelo professor, que utiliza intensamente os recursos de linguagem como música e efeitos sonoros e a valorização de práticas narrativas como o do storytelling.

Eduardo Vicente é professor associado do Departamento de Cinema Rádio e TV (CTR) e docente do Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais (PPGMPA) da ECA/USP e coordenador do MidiaSon: Grupo de Estudos e Produção em Mídia Sonora e editor da Novos Olhares: revista de estudos sobre práticas de recepção a produtos midiáticos e, em entrevista à FIAMFAAM comentou que a recepção das rádios AM nos municípios do porte de São Paulo (SP) está se tornando complicada. “A tendência é que várias empresas migrem para a FM”, salientou.

Para a professora do Mestrado Profissional de Jornalismo da FIAM FAAM, Juliana Doretto, a palestra contribuiu para o conhecimento dos discentes. “O professor Eduardo Vicente trouxe inspiração nesta noite para que cada um de nós possa pensar em fazer jornalismo de uma forma diferente, tanto no rádio e na web”. Nos minutos finais, o professor doutor da área de comunicação respondeu aos questionamentos de alunos de graduação, do Mestrado Profissional de Jornalismo e alguns convidados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s