II Festival Audiovisual marca final de semestre no FIAM-FAAM

Evento contou com diversos filmes e programas exibidos e com premiações em cinco categorias para universitários

Por: Felipe Cortinas[1]
Edição por Mayara Lobato[2]

Pela segunda vez, o curso de Rádio e TV promoveu o Festival Audiovisual FIAM-FAAM no auditório do prédio Ana Rosa, no dia 3/12. O evento teve início às 10h e acabou às 17h. Ao todo, foram exibidas 15 produções audiovisuais em cinco categorias: obras em outros formatos, curta-metragem experimental, curta-metragem documental, curta-metragem ficcional e webséries. Ao final, foram entregues dois prêmios em cada categoria, concedidos pelo júri popular e pelo júri acadêmico.

Produções a partir de 2014 puderam participar desta edição, que contou com 44 obras inscritas do FIAM-FAAM e de outras universidades. Destas, 15 foram exibidas durante o Festival, selecionadas por uma comissão formada pelos professores Adriana Câmara, Andrea Llopis, José Geraldo de Oliveira e Letícia Capanema. Elas emocionaram e fizeram o público refletir sobre nossa vida em sociedade, como a websérie “Vênus”, que mostrou a complexidade das relações amorosas nos tempos de aplicativos para encontros. Ela foi concluída em 2016, com direção de Leandro Lopes, e foi produzida na própria faculdade.

Outra websérie que fez o público rir foi “Minha Nada Confusa Vida”. Seu estilo de humor teve influências de grandes seriados de comédia renomados, como: How I Met Your Mother, Os Normais e filmes brasileiros recentes. Dirigida por Rick dos Anjos, aluno do FIAM-FAAM, a websérie ganhou o prêmio de Melhor Ator, com o protagonista Rodolfo Chagas. A produção foi finalizada em 2016, como Trabalho de Conclusão de Curso de Produção Audiovisual do Centro Universitário FIAM-FAAM.

O próximo Festival Audiovisual acontece em 2017 e a professora Adriana Câmara, organizadora do evento, explica que os interessados devem ficar atentos ao site do FIAM-FAAM. “Publicamos o edital no site da faculdade e divulgamos nas redes sociais. Alunos de faculdades do Brasil todo podem se inscrever. Todos são bem-vindos em nosso Festival”, explica, satisfeita com o resultado desta edição.

Antes da premiação, o Núcleo de Dramaturgia (NUDA), coordenado pelo professor Luiz Lopreto, ofereceu aos espectadores a experiência de se estar em um teatro. Com obras renomadas e imortalizadas de autores como Luís Fernando Verísssimo e Shakespeare, os alunos mostraram sua veia artística aperfeiçoada ao longo deste semestre com os ensaios e reuniões do núcleo.

Ao final, os premiados receberam seus troféus. Em cada categoria, foram dois vencedores. O júri popular foi composto pelas pessoas que estava presentes durante a exibição e votavam em suas produções favoritas; e o júri acadêmico, formado pelos professores Efrem Pedroza, Fransico Periago, Isabela Goulart, Luiz Lopreto e Rogério Kruschewski. Muitos parentes dos alunos compareceram, o que conferiu ainda mais emoção ao II Festival Audiovisual FIAM-FAAM.

Veja abaixo a lista dos vencedores em cada categoria:

PREMIADOS PELO JURI OFICIAL
(composto pelos professores: Efrem Pedroza, Francisco Periago, Isabella Goulart, Luiz Lopreto, Rogério Kruschewski)

Melhor obra em outros formatos
Different PH Moraes

Melhor curta-metragem experimental
O jardim das veredas que se bifurcam

Melhor curta-metragem documental
450 ml

Melhor curta-metragem ficcional
Atopia

Melhor atriz de curta-metragem ficcional
Luana Fioli – Atopia

Melhor ator de curta-metragem ficcional
AJ Castilho – Erro XX

Melhor websérie ficcional
Vestigium

Melhor ator de websérie ficcional
Rodolfo Chagas – Minha nada confusa vida

Melhor atriz de websérie ficcional
Angelina Nunes – Vestigium.


PREMIADOS PELO JURI POPULAR

Melhor obra em outros formatos
Interação

Melhor curta-metragem experimental
O jardim das flores mortas

Melhor curta-metragem documental
Depois do abrigo

Melhor curta-metragem ficcional
Erro XX

Melhor web série
Vestigium

[1] Felipe Cortinas é aluno do quarto semestre de jornalismo do FIAM-FAAM Centro Universitário e monitor da Agência Integrada de Comunicação.
[2] Mayara Lobato é professora de Jornalismo e RTV do FIAM-FAAM Centro Universitário. Atua na Agência Integrada de Comunicação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s